Notícias das Lojas

Plantar e regar acácias: obrigação do ser humano, do cristão, do Maçom

Em uma entrevista no programa do Ratinho no SBT o ator Rubén Aguirre, o Professor Girafales da turma do Chaves, falou que um dia telefonou para Roberto Bolaños, o Chaves, que estava doente e disse: "Eu estou a sua disposição se precisar de mim". Roberto Bolaños respondeu: "Você já está fazendo muito, me deixou muito feliz com esse telefonema, lembrou de mim. Às vezes nos enganamos quando pensamos que somente podemos ajudar as pessoas através de metais. Muitas vezes o outro precisa apenas de uma atenção, de um carinho, de uma palavra amiga. Podemos chegar à conclusão de que PLANTAR E REGAR ACÁCIAS pode ser também dispondo de nosso precioso e apertado tempo e voltar a nossa ATENÇÃO AO OUTRO.

Podemos tirar um tempo para meditar em algumas perguntas: Qual foi a última vez que eu liguei para alguém apenas para deixar uma palavra amiga? Quando passei uma mensagem? Quando visitei para dar e receber atenção, calor humano? Dentro da minha profissão, muitas vezes "rentável" e bem sucedida, quantas pessoas carentes, necessitadas, menos favorecidas eu ajudo durante o ano? Falamos de oração sempre, mas quando foi o último momento que parei, conversei com Deus e inclui o outro ou alguém do meu círculo familiar? Se apenas falo que estou orando vale?

Vamos refletir também em perguntas como: Ao adentramos ao Tempo Maçônico os ensinamentos do R.'.E.'.A.'.A.'. da Sublime Ordem pede-se para deixar fora todos os dissabores fora do Templo... CONSIGO? E ao adentrar no meu Templo de dentro consigo também deixar esses dissabores de fora? Quando estou dentro do Templo um irmão responde: o Templo está coberto Venerável Mestre... Será que está mesmo? ou totalmente conectado ao mundo externo por pensamentos e muitas vezes pela internet? Qual foi o meu último livro lido? Foi uma boa leitura? Livro Maçônico, li algum? Quando? Tenho tempo para minha esposa, para meus filhos, para meus pais, para meus irmãos e para mim? Cadê a régua de 24 polegadas?

O Mestre Instalado, Ir.'. Adalberto Pinho, da Loja Maçônica Luz, Labor e União Lapoense nº 144, Oriente de Lapão, destaca que precisamos estar atentos às palavras chaves que precisam nortear nossas vidas: Amor, Tolerância, Simplicidade, Humildade, Sabedoria, Fraternidade, Liberdade, Igualdade. Por isso, recorde sempre estas palavras. "O homem torna-se velho muito rápido e sábio demasiado tarde exatamente quando: JÁ NÃO HÁ TEMPO". A Maçonaria ainda é o berço que descansa as possibilidades, portanto, façamos dela uma Instituição proativa. Depende apenas de nós, Homens Livres e de Bons Costumes.

 

Foto: Blog A Partir Pedra

Rua Carlos Gomes, 108 - 6ª andar - Ed. Maçônico, Dois De Julho.
CEP: 40060-330 - Salvador - BA
(71) 3503-3994 / (71) 99739-3500
Seg-Qui 09 às 19h | Sex 09 às 18h
gleb@gleb.org.br
TOP